Não é preciso ter olhos abertos para ver o sol, nem é preciso ter ouvidos afiados para ouvir o trovão. Para ser vitorioso você precisa ver o que não está visível.

terça-feira, 30 de maio de 2017

EM PERNAMBUCO, MORADORES BRIGAM POR COMIDA ESTRAGADA PELA LAMA APÓS ENCHENTE


A chuva que deixou 15 cidades em estado de calamidade em Pernambuco trouxe à tona a situação de miséria que centenas de famílias vivem no interior do Estado. No município de Palmares, na Zona da Mata Sul, várias pessoas se concentraram na frente de um supermercado para tentar reaproveitar do lixo alimentos estragados pela lama que invadiu a cidade.
No último sábado (27) e domingo (28), as regiões da Mata Sul e Agreste pernambuco foram atingidas por um forte temporal. Casas, estabelecimentos comerciais, escolas e hospitais foram invadidos pela água, que chegou a cobrir muitos imóveis.
Nesta segunda-feira (29), com a trégua da chuva, muitas pessoas aproveitaram para retirar a lama e contabilizar o prejuízo. A faxina em um supermercado atraiu dezenas de pessoas, que se aglomeraram em frente ao local para retirar do lixo algum alimento. A Polícia Militar foi acionada para conter o ataque aos produtores descartados.
←  Anterior Proxima  → Inicio

OLHA A HORA

VOCÊ ONLINE

FAN PAGE, CURTA

SIGA-NOS NO TWITTER

CLIC E VEJA OS FATOS HISTÓRICOS POR DATA

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VISITAS PELO MUNDO

AS SETE MAIS LIDAS

CADASTRA SEU E-MAIL